RESULTADOS DE EXAMES MARQUE SUA CONSULTA
Horário de funcionamento de 08h às 18h; Sab 08 às 12h
Av. Marcos de Freitas Costa, 855 Daniel Fonseca, Uberlândia/MG
34 3257.9100 contato@holhosudi.com.br

Mapeamento de retina: conheça a importância do exame para sua visão

Mapeamento de retina: conheça a importância do exame para sua visão

Localizada no fundo olho, a retina é uma membrana que possui a função de transformar o estímulo luminoso em estímulo nervoso e enviá-lo ao cérebro para permitir a formação de imagens. Quando não desempenha sua função corretamente, a retina pode acabar prejudicando a saúde ocular e comprometendo a qualidade da visão.

Para evitar maiores complicações, o mapeamento de retina é um procedimento de grande importância para diagnosticar e tratar doenças que acometem a membrana. Neste artigo, você irá entender o que é mapeamento de retina, como é realizado e quais são as indicações. Acompanhe!

O que é mapeamento de retina?

Trata-se de um exame oftalmológico realizado com o objetivo de avaliar a retina e demais estruturas localizadas no fundo do olho, como o vítreo, o nervo óptico e os vasos sanguíneos. O procedimento permite que o médico analise detalhadamente as estruturas oculares por meio de imagens com alta resolução.

Dessa forma, o mapeamento de retina se mostra muito útil para diagnosticar diversas doenças oculares e contribuir para o tratamento mais adequado para cada caso. Dentre os problemas que o exame detecta, podemos citar:

  • Descolamento de retina;
  • Glaucoma;
  • Tumores e cânceres oculares;
  • Oclusões vasculares;
  • Diabetes;
  • Hipertensão arterial;
  • Dentre outros.

Como o procedimento é realizado?

Inicialmente, é preciso dilatar a pupila com colírios aplicados pouco antes do exame. Com a pupila do paciente dilatada, o médico responsável posiciona um aparelho denominado oftalmoscópio a cerca de 15 cm do olho e projeta um feixe de luz no fundo do olho, permitindo observar imagens da região.

O exame é considerado não invasivo, indolor e dura apenas alguns minutos. Para a realização do exame, o paciente é orientado a não utilizar lentes de contato no dia do procedimento, além de levar um acompanhante, já que a dilatação da pupila compromete a qualidade da visão por algumas horas.

Quando é indicado?

O mapeamento de retina possibilita diagnosticar doenças em estágios iniciais – o que facilita o sucesso do tratamento – e, por isso, deveria ser realizado com certa regularidade por todos os pacientes. Contudo, existem alguma situações para as quais o procedimento é indispensável. São elas:

  • Suspeita de retinopatias;
  • Doenças sistêmicas;
  • Baixa na visão;
  • Alterações na retina e nervo óptico;
  • Crianças prematuras;
  • Após traumas oculares.

A realização do exame também é indicada após o diagnóstico das doenças identificadas no mapeamento de retina, como forma de acompanhar a evolução da doença. Pacientes que tiveram qualquer grau de perda visual após os 50 anos também devem realizar o procedimento de acordo com orientação médica.

Além disso, o exame é indicado para pacientes que irão se submeter a algum tipo de procedimento cirúrgico nos olhos. Nestes casos, o mapeamento de retina pode confirmar se o paciente está com a saúde ocular em dia para evitar possíveis complicações no período pós-operatório.

Vale ressaltar que o mapeamento de retina é fundamental para diagnosticar doenças que necessitam de tratamento precoce para evitar maiores complicações. Portanto, não hesite em procurar um oftalmologista para avaliar a retina e as estruturas do fundo do olho e atestar as suas condições. Sua saúde ocular agradece!

 

E você, sabe como está a saúde de sua retina? Entre em contato conosco e agende seu exame de mapeamento de retina. O Hospital de Olhos de Uberlândia conta com profissionais altamentes qualificados e prontos para lhe atender com total personalização e profissionalismo. Estamos te esperando!

Todos os direitos reservados a Holhos. Desenvolvido por Boca a Boca.